Guimaguinhas
Memórias familiares e da minha cidade natal
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


Espiritismo e Espiritualismo - Distinções e aproximações

                                                        SUMÁRIO
 

Apresentação
 
 
— Fala-nos da Religião...

— E eu tenho falado de outra coisa hoje?
Não é a religião todas as nossas ações e reflexões?
E tudo o que não é ação nem reflexão, mas aquele espanto e aquela surpresa sempre brotando na alma, mesmo quando as mãos talham a pedra ou manejam o tear?
Quem pode separar sua fé de suas ações ou sua crença de seus afazeres?
Quem pode espalhar suas horas perante si, dizendo: “Esta é para Deus, e essa é para mim; esta é para minha alma, e essa é para o meu corpo?


O PROFETA – Gibran Khalil Gibran 


Nesta palestra, estudamos os conceitos de Lei Natural ou Lei Divina, conforme o Livro Terceiro - As Leis Morais de O Livro dos Espíritos, de Allan Kardec e aprendemos que as LEIS DE DEUS estão inscritas na CONSCIÊNCIA do homem.

Como ensina o Espiritismo, no processo evolutivo, o Princípio Espiritual criado por Deus a pouco e pouco se individualiza, até tornar-se ESPÍRITO HUMANO e ingressar no REINO HOMINAL.

Nesse ponto, DEUS inscreve as suas LEIS na CONSCIÊNCIA do homem e este começa sua jornada multimilenar de conscientização e desenvolvimento dos potenciais que o elevarão, um dia, à condição de um ESPÍRITO PERFEITO.

Entre as LEIS DE DEUS inscritas na CONSCIÊNCIA do homem estão os sentimentos inatos da DIVINDADE e da ADORAÇÃO — fontes do processo natural de nascimento e evolução das ideias religiosas: 

 

Por fim, exibimos quadro-resumo com as alternativas religiosas e doutrinárias espiritualistas que a humanidade desenvolveu ao longo do processo civilizatório e mostramos pontos de contato e diferenças entre o ESPIRITISMO e DOUTRINAS ESPIRITUALISTAS.


Antes de prosseguir, veja este estudo sobre RELIGIÃO E MORAL ESPÍRITA - aqui
 

O que se deve entender por Lei Natural?
 

 

Como tomamos conhecimento da Leis Divinas?
 

 

Para os Cristãos, o que significa a Revelação?
 

 

Quem foi o maior revelador da Lei Divina?
 

 

E antes de Jesus?
 

 

As Leis Divinas sempre foram conhecidas dos homens?
 

 

A Lei de Deus sempre foi revelada completamente?
 

 

Onde está escrita a Lei de Deus?
 

 

Por que as escrituras religiosas de todos os povos nos tocam, comovem e fazem refletir?
 

 

Conclusões
 
 

As Leis Morais
 
 

A Lei de Adoração
 
 

Divisão da Lei Natural
 
 

Alternativas da humanidade em relação ao mundo espiritual
 
 

Os postulados espíritas nas outras religiões
 

 

O Espiritismo se apoia na base das religiões
 

 

Não são práticas espíritas
 

 

Material de apoio e Apresentação PPT
 
- Veja resumo escrito da palestradistribuído antes da palestra - aqui
- Veja a Apresentação PPT da palestra Espiritismo e Espiritualismo - Distinções e aproximações - aqui
 

Glossário

VEDISMO: Religião mais antiga do povo hindu, fundada nos ensinamentos e liturgia dos Vedas e que antecede o bramanismo e o hinduísmo.
JAINISMO: FIL. REL. - Religião hindu heterodoxa, fundada no século VI a.C., que aceita a doutrina do carma, rejeita a violência e é contrária ao sistema de castas do bramanismo.
BUDISMO: FIL. REL. - Sistema filosófico e religioso fundado por Siddharta Gautama, o Buda (563-483 a.C.), que ensina que o homem deve renunciar ao apego à vida, aos interesses de sua individualidade, para alcançar um estado de bem-aventurança plena, o nirvana, no qual se extinguem as paixões e a busca de permanência em um mundo no qual tudo é transitório. [A noção de um Deus pessoal e criador é totalmente estranha ao budismo.]
TAOÍSMO: Na cultura chinesa, doutrina filosófico-religiosa, desenvolvida por Lao Tse, no século VI a.C., que dá ênfase à integração do homem à realidade cósmica e cuja noção fundamental é o tau (caminho), que deve ser percorrido de modo sereno e espontâneo, recomendando-se sempre a meditação e a prática de exercícios.
XINTOÍSMO: Antiga religião japonesa, ainda professada atualmente, que enfatiza a pureza e a energia do espírito, caracterizada pelo politeísmo, animismo, culto à natureza e honra aos ancestrais; shinto, xintó.
MASDEÍSMO: (Pérsia)Religião dos antigos iranianos, em que se admitem os princípios do bem e do mal, além da divinização das forças naturais.
ROSA-CRUZ: 1 Fraternidade filosófico-religiosa surgida na Alemanha no século XVI, inserindo-se na tradição esotérica ocidental, e que tem como um dos seus objetivos auxiliar o desenvolvimento espiritual da humanidade. 2 Nome comum a várias fraternidades secretas, que apresentam diversas origens; cultivam o misticismo e pretendem desenvolver poderes ocultos no homem.
CABALA: 1 FIL. – REL. Tratado filosófico-religioso judaico que tem suas origens na Idade Média, nos séculos XII e XIII, marcado por elementos de natureza mística e esotérica. 2 O conteúdo desse tratado, especialmente a decifração dos pontos místicos e alegóricos, envolvendo números e letras do Antigo Testamento. 3 POR EXT. Denominação dada a várias tendências religiosas e/ou filosóficas, surgidas na Europa, a partir do século XII, carregadas de misticismo e esoterismo.
TEOSOFIA: 1 Conjunto de doutrinas filosóficas e religiosas, visando o conhecimento da divindade e a consequente elevação do espírito. 2 Doutrina espiritualista ligada ao pensamento e práticas ocultistas e místicas e às religiões orientais, base da Sociedade Teosófica, fundada no século XIX por Madame Blavatsky (1831-1891) e H. S. Olcott (1832-1907) em Nova York; teosofismo.
CONFUCIONISMO: Doutrina elaborada pelo filósofo e teórico político chinês Confúcio (551-479 a.C.) e por seus seguidores, que se baseia num conjunto de crenças, conhecimentos e valores da filosofia e da ética social, especialmente na retidão de caráter, na justiça, na sinceridade e no amor filial e que prega o culto à natureza e aos antepassados.
VEDISMO: 1 FIL. Organização religiosa, política e social da Índia, marcada pelo sistema de castas e pela supremacia da casta sacerdotal dos brâmanes. 2 REL. O conjunto da religião indiana, desde sua origem até hoje.                  
CULTO – 1. Forma pela qual se presta homenagem à divindade; liturgia. 2. A religião: Culto católico, culto protestante. 3. Cerimônias religiosas. 4. Veneração. C. externo: cerimônias e festividades religiosas. C. interno: o que se rende a Deus por atos interiores da consciência.
LITURGIA – Conjunto de práticas e elementos religiosos instituídos por uma igreja para se prestar culto a Deus; RITUAL.
RITUAL – Conjunto de ritos de uma religião ou de uma igreja.
RITO – Conjunto de regras e cerimônias que devem ser cumpridas em uma religião; LITURGIA: o rito grego ortodoxo.
CRENÇA – 1. Fé religiosa [ Antôn.: ceticismo, descrença.] 2. Aquilo que uma pessoa ou grupo consideram como verdadeiro (crenças filosóficas)
ANTROPOMORFISMO – Conceito ou ação de atribuir a Deus, aos deuses ou aos seres sobrenaturais sentimentos, ideias, paixões e atitudes próprias do seres humanos.
SISTEMA – 1. Conjunto de ideias que configuram uma concepção do mundo e da condição humana (sistema filosófico); DOUTRINA; TEORIA 2. Complexo de normas e padrões de organização da economia, do exercício do poder e da sociedade (sistema econômico; sistema político; sistema social)
RELIGIÃO – 1. Do latim religionis = religião, com sentido próprio, culto prestado aos deuses; prática religiosa 2. Crença na existência de forças ou entidades sobre-humanas responsáveis pela criação, ordenação e sustentação do universo.
SACRAMENTO – 1. Rel. Ato ou sinal sagrado pelo qual se recebe uma graça divina 2. Sinais sagrados que, segundo a doutrina católica, teriam sido instituídos por Jesus Cristo para distribuição da salvação divina àqueles que, recebendo-os, fazem uma profissão de fé (batismo, crisma, eucaristia, confissão, matrimônio, extrema-unção)
GRAÇA – 1. A misericórdia divina, que concede favores aos homens: Conseguiu tudo com a graça de Deus. 2. Teol. No Catolicismo, auxílio de Deus para que os homens alcancem a salvação, a graça, a bênção divina: O rapaz alcançou a graça do perdão.
MATERIALISMO – 1. Sistema daqueles que pensam ser tudo matéria no homem, e, assim, nada sobrevive após a destruição do corpo. 2. Filosofia de vida na qual todos os objetivos estão voltados para os gozos e bens materiais.
AGNOSTICISMO – Doutrina que considera impossível conhecer ou compreender, e portanto discutir, a realidade das questões da metafísica ou da fé religiosa (embora admita existirem, como a existência de Deus), por não serem passíveis de análise e comprovação racional ou científica.
ATEÍSMO - 1. Falta de crença em Deus; DESCRENÇA [Antôn.: crença, fé] 2. Fil. Doutrina (com várias nuanças na história da filosofia) que recusa a ideia da existência de Deus, tanto a que se baseia diretamente na fé quanto a que se apoia em argumentação ou explanação racional.
DOUTRINA – 1. Conjunto de dogmas e princípios que fundamentam um sistema ideológico, filosófico, político, religioso etc. (doutrina marxista, doutrina cristã): A doutrina de Descartes 2. Crença ou conjunto de crenças que são vistas como verdades absolutas pelos que nelas acreditam: a doutrina da reencarnação. 3. Pol. Conjunto de princípios que um governo toma como base para sua ação no campo político e social
SINCRETISMO –1 REL. Fusão de diferentes religiões, doutrinas e cultos, cujos elementos permanecem com interpretações próprias. 2 FILOS. Reunião relativamente equilibrada de elementos díspares, oriundos de visões de mundo diferentes. 3 ANTROP., SOCIOL,, POR ANALOGIA Fusão de diversos elementos culturais antagônicos ou de diferentes culturas e sistemas sociais. 4 Reunião de doutrinas diferentes, com a manutenção embora de traços perceptíveis das doutrinas originais. Frequentemente, quando se fala em sincretismo, se pensa no sincretismo entre diferentes religiões, no chamado sincretismo religioso.
DOGMA – 1. Rel. Ponto básico de doutrina religiosa, considerado certo e indiscutível: o dogma da Santíssima Trindade. 2. Fig. Qualquer doutrina que se apresenta como verdade indiscutível e portanto deve ser aceita sem contestação 3. Ideia ou preceito apresentados como irrefutáveis. 4. Em religiões, doutrina que se apoia na autoridade de sua fonte, que deve prevalecer sobre qualquer dúvida dos fiéis.
OBSERVAÇÕES (A) - O Espiritismo não tem dogmas, pois todos os seus postulados são passíveis de serem discutidos e analisados, mediante a luz que a ciência possa lançar sobre eles. (L. PALHANO JR.)


Fontes: Dicionário de Filosofia Espírita; e Teologia Espírita  (J. PALHANO JR); Dicionários on-line – Michaelis e Aulete.

 

Referências

O LIVRO DOS ESPÍRITOS – Allan Kardec – Brasília, FEB
O EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO – Allan Kardec – Brasília, FEB
A GÊNESE – Allan Kardec – Brasília, FEB
OBRAS PÓSTUMAS – Allan Kardec, - Brasília, FEB
AS GRANDES RELIGIÕES DO PASSADO – In A Caminho da Luz – Emmanuel/F. C. Xavier, Brasília, FEB
O ESPIRITISMO E AS DOUTRINAS ESPIRITUALISTAS – Deolindo Amorim – Livraria Ghignone Editora
ALTERNATIVAS DA HUMANIDADE (Na Era do Espírito) – Durval Ciamponi – São Paulo, Edições FEESP
A LEI DIVINA OU NATURAL – In O Livro dos Espíritos – Allan Kardec – Disponível aqui: https://livrodosespiritos.wordpress.com/leis-morais/cap-1-a-lei-divina-ou-natural/
NOS CÍRCULOS DA FÉ. In A Justiça Divina - 1.ª Parte — Cap. I — Item 12. Emmanuel/F. C. Xavier – Disponível aqui: http://bibliadocaminho.com/ocaminho/TXavieriano/Livros/Jdn/Jdn27.htm
ESPÍRITA CRISTÃO - DEVE SER CLARO O OBJETIVO DA NOSSA INSTITUIÇÃO – Jorge Hessen – Disponível em: http://www.oconsolador.com.br/ano11/511/ca7.html
DAS LEIS MORAIS – PARTE 3ª. De O LIVRO DOS ESPÍRITOS [Vídeo] – Haroldo Dutra Dias – Disponível aqui: https://www.youtube.com/watch?v=dCkE-NQ6F5I

FONTES DOS GLOSSÁRIOS:

http://michaelis.uol.com.br/
Dicionário de Filosofia Espírita; e Teologia Espírita  (J. PALHANO JR);
SÚMULA ESPÍRITA (in O SENTIDO DA VIDA)(J. Herculano Pires)
Dicionários on-line – Michaelis e Aulete.

Guimaguinhas
Enviado por Guimaguinhas em 22/05/2017
Alterado em 23/05/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Os Curadores do Senhor R$20,00
Abigail [Mediunidade e redenção] R$20,00
Menino-Serelepe R$20,00
Site do Escritor criado por Recanto das Letras

Formas de interação com o site GUIMAGUINHAS

- Contato com o site - clique o link e envie sua mensagemhttp://www.guimaguinhas.prosaeverso.net/contato.php

- Contato com o autor - envie mensagem para este e-mail: historiasdeaguinhas@gmail.com

- Postar comentários sobre textos do site - utilize esta ferramenta que está ao pé do textoComentar/Ver comentários 

- Enviar textos: utilize acima: